As duas palavras que guardam o segredo da felicidade dos dinamarqueses

Os dinamarqueses são frequentemente considerados um dos povos mais felizes do mundo. Pyt é uma palavra usada para expressar que você aceita que uma situação está fora de seu controle.

Tamanho da letra:
A
A
  
  
Link permanente:
    
Publicado em: 12/04/2019

Os dinamarqueses, tidos como um dos povos mais felizes do mundo, amam poucas coisas mais do que o hygge. Este conceito pode significar ler um livro enquanto se aconchega em um cobertor ou ter uma noite agradável com parentes ou amigos, com muitas risadas e uma boa xícara de chocolate quente, de gløgg (vinho quente) ou café na mão, dependendo da hora do dia e da época do ano. Mas esta imagem é quase idílica demais. Como um dinamarquês amante de hygge, posso dizer com certeza que até os dinamarqueses têm dias ruins. Então, o que fazemos quando não podemos recorrer a essas coisas reconfortantes? Dizemos a palavra mágica: pyt. Ou "pressione o pyt-knappen (o botão pyt)".

Assim como hygge, pyt não tem uma tradução direta para outros idiomas. Algumas interpretações incluem "não importa", "não se preocupe" ou "esqueça" - mas estas expressões não transmitem o aspecto positivo da palavra. Pyt é usada para dizer que você aceita que uma situação está fora de seu controle e, mesmo que esteja aborrecido ou frustrado, decide não desperdiçar energia pensando mais nisso. Você aceita e segue em frente. Pyt também é usada para confortar outras pessoas e amenizar situações infelizes. 

A palavra favorita dos dinamarqueses

Pyt é uma palavra tão amada pelos dinamarqueses que, em setembro de 2018, foi escolhida como a favorita do país em uma competição realizada pela Associação Dinamarquesa de Bibliotecas (ADB). Curiosamente, hygge nem chegou a ser finalista.

Steen Bording Andersen, presidente da ADB, vê a vitória como um reflexo de nossas vidas estressantes e o desejo dos dinamarqueses de não se aborrecer e de relaxar. "É uma rebelião contra um traço cultural dinamarquês de ser bom em reclamar e encontrar falhas", explicou ele. "A escolha vai um pouco contra o espírito de nosso tempo. Mas isso nos lembra de que as coisas poderiam ser piores."

A popularidade da palavra não surpreende Chris MacDonald, escritor e palestrante que se mudou dos Estados Unidos para a Dinamarca há 20 anos. Em um artigo para o jornal dinamarquês Berlingske intitulado O que a Dinamarca me ensinou sobre a felicidade, ele escreve: "Pyt é uma das minhas palavras favoritas, é o som mais positivo que já ouvi. E tem um enorme poder quando se trata de abrir mão de coisas que não podemos mudar. Há muito alívio nessa palavra".

Ele se deparou com pyt quando aprendeu dinamarquês. "É uma língua excepcionalmente monótona. É como ouvir um músico com uma escala de tons limitada. Então, comecei a notar essa palavra, que se destacou na escala sonora do dinamarquês e tem um som agradável", disse ele. É verdade que o dinamarquês provavelmente nunca será eleito o idioma mais romântico do mundo devido a seus muitos sons duros e guturais. No entanto, o som de pyt é delicado e suave.

Durante minhas entrevistas com MacDonald, falamos sobre como pyt é geralmente usada para demonstrar a aceitação de uma situação frustrante e imutável - mas que não representa uma ameaça nem altera nossa vida. Parte disso é obviamente o significado da palavra, mas também é o sentimento e a atmosfera que o som de pyt cria.

Como Jonas Jensen, editor sênior do Den Danske Ordbog (Dicionário Dinamarquês) explicou: "Dentro da fonética, 'i' e 'y' são frequentemente considerados sons mais leves e 'otimistas' do que vogais mais arredondadas, como 'o' e 'u '… (Pyt) é uma palavra legal de pronunciar."

Acidente de bicicleta
Mas enquanto a língua dinamarquesa é cheia de vales e montanhas linguísticos - Jensen costuma dizer que "dinamarquês não é uma língua, mas uma doença de garganta" - o mesmo não pode ser dito da paisagem do país.

A Dinamarca é provavelmente um dos países mais amigáveis do mundo para os ciclistas, por ser um território quase todo plano. No entanto, podem ocorrer acidentes, como eu e minha família aprendemos com um casal britânico que decidiu explorar o país em suas bicicletas há mais de 20 anos.

No final de suas férias, a esposa caiu da bicicleta e quebrou a clavícula. Eles estavam nos arredores de uma pequena cidade chamada Sønder Omme e facilmente encontraram o pronto-socorro local. O médico de plantão (meu pai) levou o casal ao hospital da próxima cidade.

Enquanto a mulher fazia um exame de raio-X e tinha seus ferimentos tratados, meu pai ligou para minha mãe para dizer que ele chegaria em casa mais tarde do que o normal. Minha mãe sugeriu que meu pai convidasse o casal para jantar.

No final do dia, os dois britânicos não só receberam assistência médica dinamarquesa gratuita e foram alimentados por uma família local como também foram apresentados à palavra pyt e à sua capacidade de atenuar uma situação tensa.

Não me lembro do que comemos, mas, conhecendo minha mãe e dado o pouco tempo que teve para se preparar para a visita, provavelmente eram sobras de outras refeições postas à mesa juntas com algumas outras belas comidas dispostas sobre uma toalha de mesa com guardanapos e louças combinando.

Estávamos todos sentados, com comida em nossos pratos e vinho tinto em nossas taças. Meu pai ergueu a sua taça para o tradicional skål (brinde) antes de comermos. Quando o homem britânico pegou sua taça para brindar, ele derrubou vinho por toda a toalha branca. Veio um silêncio.

A esposa virou-se para o marido com um olhar de profundo desagrado, mas o que ela estava prestes a dizer foi interrompido por minha mãe. "PYYYYT med det! (Não se preocupe com isso!) Vamos lavar a toalha de mesa amanhã", ela exclamou. O resto da noite foi puro hygge, e o casal veio jantar de novo alguns dias depois. O poder de pyt mudou uma atmosfera potencialmente negativa para uma de alívio.

Crianças aprendem o conceito desde cedo

O poder desta palavra também é aproveitado de outras formas. Seu significado é ensinado a crianças no jardim de infância e na escola primária por meio de um botão pyt. Geralmente, é apenas uma tampa de plástico com a inscrição da palavra, colada a um pedaço de papelão e colocada em algum lugar central na sala de aula, para ser usada em situações em que as crianças se sentem incomodadas, como ao não chegarem em primeiro lugar em uma corrida ou vencer um jogo. Essencialmente, elas aprendem desde cedo que perder não é algo ruim, porque isso também faz parte da vida.

"O botão pyt é genial. Não funciona para todas as crianças, mas, para algumas delas, é ótimo. A ação de pressionar um botão físico parece ajudá-las a limpar suas mentes e a seguir em frente", diz disse Charlotte Sørensen, professora da cidade de Hammel.

Os visitantes da Dinamarca podem até comprar sua própria versão do botão pyt em lojas locais. Esses botões de plástico vermelho e branco lembram os que os concorrentes nos programas de TV mostram quando têm a resposta certa. Pressione e você ouvirá a palavra pyt, o que te lembra de voltar à situação e focar novamente.

A palavra parece especialmente apropriada em um país com clima que varia de uma hora para outra. Ao longo dos anos, fiz inúmeras mudanças de planos de última hora, quando meu otimismo mais uma vez foi confrontado pela realidade. Piqueniques e churrascos tiveram de ser movidos para dentro de casa, e as viagens de praia se transformaram em visitas a piscinas cobertas.

Nestes momentos, um ou mais pyts foram proferidos enquanto respirávamos profundamente - e elaborávamos um plano B. E assim aprendi que esses planos alternativos geralmente acabam sendo hyggeligere (mais reconfortantes) do que os originais.


Fonte: BBC
Edição: F.C.

 

Comentários
Nenhum comentário cadastrado. Seja o primeiro!
Deixe seu comentário
Nome *
Email *
Seu comentário *
Saiba mais
Sacada legal
Sentir é estar distraído.
- Fernando Pessoa, Poemas Completos de Alberto Caeiro
Onde estamos
Rua Paissandu, 1894 - Centro
CEP: 64001-120 / Teresina-PI
Segunda a Sexta de 7h as 19h
(86) 3216-1122